ESPIRITISMO – A VISÃO EDUCATIVA DA VIDA

 Toda a ideia nova necessita de um tempo de maturação para ser bem compreendida. O mesmo ocorre com os venerandos postulados da Doutrina Espírita. Nos tempos atuais onde o desvalor tem cada vez mais valor, a falta de referências edificantes dá o tom do convívio familiar. A medida que a dor se impõem e as pessoas se perdem no oceano vazio da materialidade, a Doutrina Espírita chega para a humanidade como a proposta educativa por excelência. Sabemos que o Espiritismo não trouxe para o homem a salvação aguardada pelos preguiçosos de todos os tempos não obstante, este número seja imenso, o Espiritismo tem apenas o trabalho educativo como proposta de vida.
Entendemos que a mudança dos paradigmas da ignorância teológica pode ser atingida através dos postulados redentores. 
O Espírito como o princípio inteligente, viajante das dimensões materiais e espirituais carrega em si toda a carga intelecto moral amealhada em suas diversas vidas.
Sem dúvida alguma que uma das propostas que visam educar a alma   em sua trajetória libertadora é a digna reunião de desobsessão  realizada nas nobres instituições espíritas.
Lançando um olhar mais acurado sobre as singelas reuniões de Evangelização Infanto-Juvenil, observamos a profilaxia educativa levada a efeito em tais reuniões.
Se nas reuniões de desobsessão cuidamos do efeito gerado pela ignorância espiritual dos atendidos com relação à vida, nas reuniões de Evangelização Infanto-Juvenil, o Espiritismo chega à causa, ou seja, a criança.
Evocando o Livro dos Espíritos como parâmetro da nossa avaliação, identificamos na questão 383 do citado livro a referência segura para afirmarmos que é no período infantil que os valores espirituais do educando podem ser alterados.
Portanto concluimos que a reunião de Evangelização Infanto-Juvenil cumpre o papel de terapia educativa.
Uma criança ou jovem que recebeu uma educação pautada nos postulados espíritas terá mais consciência da sua condição imortal de cidadão do Universo.
Estamos longe de compreender a proposta educativa da Doutrina Espírita em sua totalidade,  só mesmo as dificuldades impostas pelos tempos atuais são capazes de alargar a nossa visão pela dor.
Como aprendizes de espírita só vemos a Deus pela lente das lágrimas!
Adeilson Salles
Escritor Espírita 
Autor da Federação Espírita do Rio Grande do Sul.
Anúncios
por dtifergs Postado em s

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s